domingo, 25 de junho de 2017

Um tom de azul pra cada dia

"Em caráter de lucidez momentânea
Romperam as algemas lógicas
Enquanto Cronos estremecia em cólicas
Pois eram imunes
Ao que os normais temiam

E viam
E viam
E sentiam

Mas a estrela
Que eu tanto olhava
Sumiu e raptou meu suspiro
As trevas engoliam a luz do belo astro
De maneira a me causar devaneio
Calafrio
Delirio

Dessa forma continuo tateando
Na esperança que aquele momento
Não seja só um ponto sensível
Em uma vida de engano"

Autor
 ( T + J) = 8

Nenhum comentário:

Postar um comentário